Tag Archives: auto estima

Look do dia: Corações!!!

1 jun

Boa tarde gente linda!!!

É, to animada, afinal, essa semana tem feriado e nada melhor do que isso pra animar uma segunda feira chuvosa e com frio não é mesmo? rsrs.

Eu particularmente adoro um friozinho, acho tão chic, elegante e gostoso de se vestir, bom demais!

Esse look eu usei na sexta feira (29/05/2015) pra trabalhar e depois ir no cinema com meu noivo, é arrumadinho e também confortável, do jeito que eu gosto!

Como vocês ja sabem, sou gordinha e não ligo a mínima pra regras idiotas impostas por aí. Uso saia rodada e ainda por cima rodada com estampa, e quer saber? Achei o máximo sair assim! Em contra partida coloquei o cardigan (que amooo e tenho vários rs), porque além de aquecer, ele usado assim abertinho, marca a cintura, da uma alongada e acho que fica mais proporcional. (Tem fotos com o cardigan fechado também).

ps: usei o óculos pq estava sol e depois fiquei em dúvida de quais fotos postar, então, postei dos dois jeitos, rs.

Espero que gostem tanto quanto eu : )

Featured image Featured image Featured image

Featured image

Detalhes da saia!

Featured image

Saia: Oh!Querida

Blusinha preta: Marisa

Cardigan: Luigi Bertolli

Bota: Riachuelo

Meia calça: Não me lembro rs

Look do Dia: Frioooo e passeio cazamigue!

13 maio

Boa Tarde gente,

Ai ai ai, sei que to master sumida, mas o noivo teve dengue (das bravas), a casa ta em reforma e a vida uma grande loucura, rs, então, me perdoem!!!

Vim mostrar hj, o look que usei ontem pra trabalhar e passear no shopping com as amigas depois. Super confortável, estiloso e quentinho, que é o mais importante nesses dias, sério, eu congelo MUITO rs!

Vamos as fotinhos, espero que gostem!

Featured image

Sem cabeça! rs

Featured image

Look Todo!

Featured image

Featured image

Amo/Sou fotos tortinhas rs!

Featured image

Close : )

Legging: Bom retiro

Blusa verde: Comprei de uma amiga

Jaqueta de Couro: C&A

Lenço: Marisa

Bota: Riachuelo

Look do dia: Acordei atrasada!

5 mar

Bom Dia gente, tudo bem?

Desculpem a demora entre um post e outro, ainda estou me adaptando com o blog, rs, jaja me acostumo e a rotina de posts será bem mais frequente!

O look do dia hj, é com uma peça que eu adoro, aliás, duas, Vestido e Rasteirinha! São perfeitos pra aquele dia em que você acorda atrasada (tipo eu rs) e não tem tempo de fazer nenhuma produção, é só pegar e vestir, ta pronta e linda!!!

E além de tudo o vestido é estampado, amooo, e nem ligo pro que dizem: “gordinha não deve usar estampa” bláhhhh, gente chata, uso mesmo, me sinto bem e vou continuar usando!!!

Featured image

O vestido!

Featured image

Achei tão linda essa flor do “cenário’ que resolvi colocar ela também, rs!

Featured image

Eu!!!

Featured image

A rasteirinha!!!

Espero que tenham gostado : )

Sobre bulling na infância e concursos de beleza

30 jan

Eu não ia falar nada sobre isso, mas não resisti que a volta do blog fosse com esse assunto!

Pegando o gancho da adolescente fora das medidas que se inscreveu num concurso de beleza, resolvi contar um pouquinho da minha história também (ta mais pra desabafo rs).

Featured image

Perninhas gordas desde sempre rs

Sempre fui gordinha, já nasci assim, com meus 3,630 KG e 50cm, era um bebezão. E assim continuei, uma criança gordinha, adolescente e adulta.

Sofria bulling, não nego. Na escola, na rua e até mesmo na família, onde uma pessoa vivia infernizando a minha cabeça (de criança) por conta do peso. Cheguei a ouvir que quando crescesse seria salsicha, fazendo alusão a uma propagando da época em que mostrava um porquinho dizendo isso. E então eu chorava, e claro que aquilo me magoava, não conseguia entender o porque ser gordinha dava o direito de as pessoas me “zuarem”. E hoje entendo que não, elas não tem esse direito.

Featured image

Apesar de todo esse bulling, graças aos meus pais, irmã, Deus, minha própria cabeça, ou sei lá o que, me magoava sim na hora, bastante, mas não me abalava emocionalmente, pois apesar de criança, já tinha consciência de que era igual a todo mundo, independente da forma do meu corpo. E foi por isso, que por volta de 10, 11 anos eu também me inscrevi num desses concursos de verão, na praia, onde os desfiles eram feitos de biquíni. E La fui eu, linda e bela com meu biquíni branco com estampinhas verdes, desfilando e tendo a certeza de que eu tinha exatamente as mesmas chances ali do que qualquer outra candidata.

Featured image

A foto está ruim, mas esse é o biquíni do concurso

Na época foi tudo bem inocente, coisa de criança mesmo, mas hoje vejo o quanto foi importante aquele concurso, apoio da minha mãe e tudo mais, para a fixação da minha auto-estima lá em cima e até hoje, não deixo que ninguém a faça cair. O negócio é, se ame acima de qualquer coisa, independente do número da sua roupa, levante a cabeça, desfile, seja feliz!